Prefeito nos EUA cria polêmica ao declarar 2014 como 'Ano da Bíblia'

Prefeito de Flower Mound quer encorajar moradores a ler a Bíblia.

‘Ele foi eleito prefeito, e não líder espiritual’, criticou morador Curt Orton.

sem-titulo-3Prefeito de Flower Mound quer que cidade se conecte
através da Bíblia (Foto: Reprodução/Flower Mound)

O prefeito de uma cidade do Texas, nos EUA, provocou polêmica depois que declarou oficialmente que 2014 é o “Ano da Bíblia”.

O prefeito de Flower Mound, Tom Hayden, fez a declaração em uma reunião da câmara de vereadores da cidade no mês passado.

Hayden destacou que deseja que sua comunidade se conecte através da Bíblia.

“A moralidade que ajudou a construir o nosso país está baseada nos valores que são encontrados na Bíblia”, disse ele.

Hayden quer encorajar os moradores de sua cidade a ler a Bíblia durante o ano. Passagens bíblicas serão publicadas em um site chamado thebible2014.com.

No entanto alguns moradores criticaram a iniciativa. “Ele foi eleito prefeito, e não líder espiritual de Flower Mound”, disse Curt Orton, em entrevista à emissora “Fox”.

Deixe uma resposta