Jovens cristãos terão conferência no deserto

Ore por esse grande encontro da juventude cristã egípcia, que tem como principal objetivo orar por aqueles que decidiram pregar o evangelho no país

Nesse mês de outubro, cerca de 12 mil jovens cristãos egípcios estarão reunidos em uma grande conferência no deserto. Haverá momentos de adoração e diversas pregações com o objetivo de colaborar com a vida espiritual de vários fieis que decidiram viajar pelo país a fim de pregar o evangelho.

O país ocupa o 22º lugar na Classificação da Perseguição Religiosa e tem se mostrado cada vez mais hostil ao cristianismo, criando inclusive leis que são incompatíveis com as normas internacionais relativas à liberdade de religião. As restrições por parte do governo são cada vez maiores e apresentam atitudes discriminatórias por parte das autoridades. A violência contra a igreja acontece tanto de forma física quanto moral.   

Recentemente, um líder cristão da região do Sinai foi executado durante uma pregação por militantes do Estado Islâmico que chegaram declarando a jihad (luta islâmica). Os policiais egípcios também estão cada vez mais violentos. A impunidade e a insegurança aumentam a cada dia. Mas os jovens cristãos estão dispostos a brilhar na escuridão, apesar dos desafios e das dificuldades. “Nós não seremos detidos porque temos a luz de Jesus brilhando sobre nossas vidas. E nós brilhamos em público, o que nos traz uma tremenda oportunidade de viver o verdadeiro evangelho”, declara e conclui um dos jovens.

Deixe uma resposta