“Para Sempre”: Elenco fala sobre o desafio e a emoção de reviver uma história real

Na próximao dia 8 de dezembro, estreia o filme “Para Sempre” nos cinemas. Distribuído pela CanZion, a produção é baseada numa história real sobre a luta de um casal e sua família na batalha contra o câncer. Momentos difíceis onde foi necessário muita fé, esperança e, principalmente, amor, nortearam roteiro, produção e tudo que envolveu o projeto do filme.

Por esse motivo, a pesquisa em torno dos fatos sobre a vida de Michael Boyum levou anos para ser concretizada e a preocupação com a autenticidade do filme fez parte do dia-a-dia de todo o elenco, inclusive, do roteirista. “Precisei descobrir de que forma contar essa história à altura das famílias. A primeira vez que ouvi a história deles foi há mais de 18 anos atrás. Fiz muitas gravações, vi todas as fitas e, depois, criei uma linha do tempo. Fui atraído pela fé inabalável de Michael e surpreso em saber o quanto ele confiava em Deus.” disse o produtor, roteirista e diretor Michael Linn.

Mas, por onde isso tudo começou? A resposta está em Bonnie Boyum, a mãe de Michael Boyum, jovem que contraiu a doença. Ela conheceu Michael Linn e, juntos, trabalharam por anos até o início das filmagens. “Eu sonhei com esse filme por 18 anos e trabalhei intensamente com o Linn sabendo que um dia íamos filmar. Linn sempre me dizia: ‘No tempo de Deus, Bonnie’. Então, eu tive que ser paciente e nunca duvidei”, contou ela emocionada.

E a realidade não ficou retratada apenas em contar a história central do longa. Vários lugares onde fatos reais aconteceram serviram de locação para as filmagens e proporcionam ainda mais proximidade com a história. O hospital, as casas das famílias de Michael e Michele, o parque onde Michael ensinava karatê e a igreja, cenários reais nas cidades da região metropolitana de Minessota, nos EUA, que podem ser vistos em “Para Sempre”. E, em uma dessas locações, revela um detalhe emociante e especial. “Sonhei que via dois homens numa ponte, a noite, na chuva. O sonho tinha efeitos de edição, ou seja, era como se estivesse assistindo um filme. Achei que pudesse usar isso. Então acordei e escrevi. Em outra ocasião, quando estávamos finalizando o roteiro, sem saber do meu sonho, Bonnie me contou que Michael e seu irmão tiveram, de fato, um episódio numa ponte a noite enquanto chovia. Me arrepiei todo e não tive dúvidas em reproduzi-la no filme.” revelou Linn.

c5291b3b-0319-44c8-a792-d6df2195f4d4

Michael Linn e sua mãe, Carolyn, que também ajudou na produção do filme na ponte escolhida para uma das cenas

Além das surpresas nas locações, a escolha do elenco também foi surpreendente. Stephen A. Bailey, protagonista da trama, além de ter sido escolhido pelo seu talento, possui semelhança física com Michael Boyum. Mas, não foi somente isso que impressionou, inclusive o próprio ator. “Comecei a estudar o personagem bem antes de começarmos a filmar. Na preparação, conversei com familiares e amigos. Isso foi muito importante. Sobretudo, tentei achar o que de mim havia nele. A maior dificuldade era retratar alguém com uma fé que nunca jamais havia visto antes na vida. Um projeto muito especial que estou honrado em fazer parte.” confessou Bailey.

Ainda sobre o elenco, um ator mais que especial teve um papel em momentos importantes no longa. Joel Jacobson, portador de síndrome de down vive Ben, amigo de Michael. Cenas que prometem deixar o público com lágrimas nos olhos. “Fazer o papel do Ben foi comovente. É um filme muito inspirador porque mostra que o amor é verdadeiro. E que, às vezes você ri, às vezes chora, mas Deus sempre está conosco em todos os momentos .” completa.

f66f0a5e-d0b4-40c7-a6ea-2e44a51c04d7

Quem também ficou impactada foi a atriz que interpreta Michele, Madison Lawlor disse ter sido um experiência linda conversar pessoalmente com a verdadeira Michele. “A história deles é fantástica. Ela me contou que tudo o que viveram foi intenso, assim como o companheirismo e o amor um pelo outro. Corram para os cinemas e assistam.” convidou Madison que, pela atuação em “Para Sempre”, ganhou os prêmios de melhor atriz nos festivais “Attic Film Fest 2016” e “Life Fest Film Festival”.

317df6b5-6ed2-4687-8193-5768c6405882

CanZion

É um ministério com a missão de edificar a igreja de Cristo no campo da música, de filmes e liderança. Fundado em 1987 por Marcos Wiit, o grupo CanZion atua em 23 países das Américas, Europa e continente africano, baseando-se no conceito 360 como plataforma e no compromisso de alcançar um alto nível de qualidade em todos os segmentos em que está presente. Atua nas áreas de eventos, produção e distribuição fonográfica e de filmes, marketing e distribuição digital, publishing, home media e e-commerce, além das escolas de música e liderança. Atualmente, a CanZion possui o maior catálogo de conteúdo com temática cristã da América Latina e é a distribuidora oficial da Capitol Christian Distribution e Hillsong Music no mesmo continente.
Sobre CanZion Films

 Com a mesma visão que abraça o Grupo Canzion, CanZion Films trabalha desde 2009 para edificar a igreja de Jesus Cristo por todas as nações da terra. No Brasil, foi responsável por lançar nos cinemas o sucesso “Quarto de Guerra” que alcançou mais de 600 mil espectadores e possui recordes de vendas em DVD.

Deixe uma resposta