JOGANDO COM A POSSIBILIDADE

Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará. Gl 6:7

Neste versículo há algumas verdades que vão nos remeter a compreensão de que a vida não é um jogo. Infelizmente muitos de nós pensamos que a vida é um jogo desprezando as leis físicas, espirituais e naturais ou seja, a vida é o resultado de nossas escolhas, ou boas ou más que fazemos e este resultado pode se transformar em consequências se for um resultado negativo. Eu sei que Deus, apesar dos meus erros me ama, mas isto não é uma “credencial” para erramos e acharmos que podemos mudar as consequências de nossas escolhas. A nossa existência tem que ser regida por regras em especial se formos cristãos, por termos o conhecimento da verdade, dai, destacaria algumas lições contidas neste texto para nossa reflexão:
1ª. Cometer erros não é um jogo é uma regra e regras existem para serem cumpridas
2ª. Errar produz consequências negativas e não errar produz resultados positivos
3ª. Errar prova a nossa debilidade, evitar o erro prova a nossa fidelidade
4ª. Errar é jogar com a sorte, não errar é ter certeza da providência divina
5ª. Errar não é uma regra e não errar não se configura numa exceção
6ª. Errar não é uma desculpa de que todo homem erra, mas um mandamento pra evitar a desculpa
7ª. Errar é ter a certeza de que se colherá uma consequência o qual nem Deus pode mudar e não errar é esperar um bom resultado do que plantamos.
Assim queridos, a bíblia diz em Tiago 1:16: “Não erreis, meus amados irmãos” nos ensinando que, não errar não é um “atestado de santidade”, mas um “certificado de garantia” de que fizemos a escolha certa e assim colheremos os dividendos desta escolha tanto na vida material quanto na vida espiritual.
Que Deus nos faça compreender isto!


Pr. Paulo Affonso Generoso

Deixe uma resposta